<
Home / CDT-CNH e CRLV Digital / Bahia / Golpe Da CNH Gratuita: Saiba Como Se Precaver

Golpe Da CNH Gratuita: Saiba Como Se Precaver

Advertisements

Circula em grupos de aplicativos, como WhatsApp e Telegram, um link que promete inscrição para obtenção de Carteira Nacional de Habilitação (CNH) gratuita. Muito cuidado caso receber esse link, pois se trata de um golpe. Uma vez que a vítima clicar nesses links, ela é induzida a enviá-lo ao maior número possível de contatos. Geralmente, pedem o envio a 10 contatos ou grupos.

Segundo a PSafe, fabricante do antivírus de celular DFNDR, 270 mil brasileiros usuários que utilizam o DFNDR receberam o golpe em somente uma semana. A mesma empresa estima que a fraude possa ter chegado a até três milhões de pessoas, dentre os usuários do seu antivírus.

Página maliciosa fala de “CNH Social”

Quando se recebe o golpe, inicialmente há uma página maliciosa que promete a inscrição no programa de “CNH Social”. A promessa é a de cobrir os custos envolvidos na obtenção do documento. É justamente nesse ponto é que se encontra a malícia do golpe. O programa CNH social, de fato, existe. Informações sobre ele, além das inscrições, podem ser encontradas nos endereços fornecidos pelos Detrans estaduais.

Em alguns estados, a CNH Social ainda está em fase de implementação. E naqueles estados nos quais a CNH Social já recebe inscrições, elas possuem prazos específicos divulgados pelo Detran de cada estado.

Nesse ponto, é que aparece a mentira do link amplamente divulgado: os golpistas dizem que as inscrições no link que divulgam valem para todos os estados. Com efeito, ele ainda não menciona nenhuma restrição sobre quem pode receber o benefício. Dessa forma, o golpe funciona atraindo pessoas a depositarem seus dados em um site falso sob a promessa de uma CNH gratuita, custeada por um programa do governo.

Site falso

A Agência Lupa publicou recentemente uma verificação do link que golpistas têm espalhado sobre a suposta CNH gratuita. O link, obviamente não hospedado em qualquer servidor do governo federal ou ligado ao Detran de algum estado, se refere a um site cujo servidor é nos Estados Unidos. Segundo a Lupa, essa empresa de hospedagem de sites estadunidense permite anonimato de quem hospeda sites no seu servidor.

Uma vez clicado no link, a vítima é levada a fornecer seu nome completo, data de nascimento e estado onde mora. Após confirmar a suposta inscrição e compartilhar a fraude com seus contatos, a vítima é redirecionada a uma página no Facebook, que já possui milhares de compartilhamentos e curtidas. A página traz informações completamente falsas sobre outros programas sociais, como o Bolsa Família. Lá, aparecem outros links suspeitos ou claramente fraudulentos.

Como se prevenir?

Primeiramente, deve se ter em vista que inscrições em programas sociais governamentais só são feitos, salvo pouquíssimas exceções, em sites governamentais. Antes de clicar, observe o domínio (final .gov, .gov.br, ou algum estadual). Somente envie dados pessoais, como nome completo, CPF, e-mail, telefone e endereço se tiver certeza da segurança e idoneidade do site.

Além disso, em hipótese alguma um site governamental vai orientar um usuário a enviar um link dele ao maior número de usuários possível. Isso é um indício claro de fraude. Importante ainda ter em mente que quanto maior a promessa, como grandes prêmios em dinheiro ou vários bens ou serviços gratuitos sem esforço também são indícios de golpe.

Por fim, em caso de ser vítima, procure alguma delegacia de crimes virtuais de sua cidade. Geralmente, estão ligadas às polícias civis estaduais. E em caso de receber links do tipo, existem canais de denúncia anônima de crimes virtuais, como o Safernet  ou com a Polícia Federal.

BOA SORTE PARA VOCÊ FICAR LONGE DESTAS ATITUDES CRIMINOSAS !!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *